Alimentação – Hambúrguer de Quinua


 

Sem tempo para preparar a refeição? Trouxemos mais uma dica da nutricionista @fernandascheernutri: Hambúrguer de Quinua.

Ingredientes:

1 ovo

1 cenoura pequena ralada

2 xícaras de quinua em grãos cozida

1 abobrinha média ralada

½ cebola

2 dentes de alho

3 colheres de sopa de farinha saudável – ou até dar liga (quinua, berinjela, farinha de grão de bico)

1 pitada de sal do Himalaia

1 colher de sopa de salsinha picada

1 colher de chá de manteiga ghee

Modo de Preparo:

Refogue a cebola e o alho na manteiga ghee ou azeite (fogo baixo); misture a quinua já cozida; espere esfriar e acrescente o ovo e os demais ingredientes. Se preferir, coloque na geladeira para a massa ficar mais firme. Molde os hambúrgueres e grelhe em uma frigideira untada com manteiga ghee ou óleo de coco até que fiquem dourados por completo. #MyTF

 

embaixadores_20150728

Alimentação

Publicado em 28 julho, 2015


WebSerie – Corrida


A corrida é um dos esportes mais praticados mundialmente. Afinal, ele é prático, diminui os riscos de cardiopatias e pode ser praticado pelos mais jovens e mais idosos. Nessa webseries o personal trainer Marcelo Cruz (CREF: 092817-G/SP) dá algumas dicas para todas as fases da corrida.

Mas, lembre-se: procure sempre um profissional para adaptar o treino de acordo com as suas necessidades e limitações.

Veja as dicas:

Antes da prova faça cerca de 5 minutos de trabalho de mobilidade (rotações) para as articulações exigidas durante a corrida.

Após o trabalho de mobilidade faça um aquecimento com os objetivos de: aumentar a temperatura corporal, preparar o sistema cardiovascular e pulmonar.

Durante a prova mantenha os braços posicionados em 90°. Além de auxiliar na postura, esse detalhe ajuda na biomecânica da corrida. As pisadas devem ser feitas do calcanhar para as pontas do pé, preservando os nossos joelhos, quadril e coluna.

Depois da corrida é indicado fazer um desaquecimento diminuindo a intensidade da sua corrida aos poucos. Deve-se chegar em torno de 50% da sua F.C. máxima. O objetivo é diminuir a temperatura corporal e muscular e evitar a queda brusca de pressão.

 

2015 07 20_WS_TF_0005 (1)

Esportes, WebSerie

Publicado em 27 julho, 2015


Inspire your performance


A tecnologia Thermodry® foi desenvolvida com microfibra de poliamida. Além de tecido extremamente leve, proporciona conforto térmico porque permite que o ar e a água circulem com rapidez, fazendo com que você fique seco mais rapidamente durante o treino. #MyTF

 

Tecnologia Thermodry ®

Tecnologia Thermodry ®

 

Tecnologia, Track & Field

Publicado em 24 julho, 2015


Track&Field Run Series – Winners Interview – Detlei Hasse


Entrevistamos Detlei Hasse, a vencedora feminina da 2ª ETAPA da Track&Field Run Series – SHOPPING VILLALOBOS. Aos 37 anos, a professora de matérias em alemão, especializada em gestão e docência escolar também participa de provas de duathlon (provas formadas por corrida, bike e corrida). Esse ano ela se prepara para competir no campeonato mundial de duathlon na Austrália e também no mundial de ciclismo amador na Dinamarca.

detlei-runseries

 

T&F: Como é o seu treino durante a semana?

Detlei: Sempre treino antes ou depois do trabalho. Para conciliar trabalho e treinos, tenho uma rotina bem organizada. Treino 7 vezes por semana quando tenho um tempo livre no trabalho. Isso significa: de madrugada, no horário de almoço ou noite! Treino corrida, pedalo e faço musculação. Cada dia foco em um ou no máximo 2 esportes! Durante a semana treino bicicleta às 5h00. De quarta-feira saio direto do trabalho para o treino, pois é o dia que tenho total apoio do treinador Adriano Bastos e sua equipe no treino de corrida e faz com que cada treino seja uma superação. Começo o treino pensando: “Ah, mas estou tão cansada… Já trabalhei o dia inteiro…“ e termino com uma sensação de bem estar tão grande que tenho vontade de abraçar o mundo! É uma delícia! Aos sábados e domingos o treino dura quase a manhã toda!

T&F: Seu treino teve alguma alteração específica para a Track&Field Run Series?

Detlei: Sim, mudei um pouquinho meu treino do sábado. Aos sábados normalmente corro e pedalo, mas no dia anterior a corrida, somente pedalei e reservei forças da corrida para a Track&Field Run Series de domingo!

T&F: Sua alimentação teve alguma alteração específica para a Track&Field Run Series?

Detlei: Tenho uma alimentação regrada. Engana-se quem pensa que como pouco; como a cada 2 horas! Muitos torceriam o nariz dizendo “Ah, mas ela faz dieta”. Não faço dietas, mas tenho uma alimentação simples, com pratos que eu mesma preparo e são deliciosos! Como por exemplo, uma salada com salmão e molho de maracujá! Deu água na boca? Pois é, esse é um dos pratos da minha alimentação! Uma delicia!

T&F: Como foi sua iniciação nas corridas?

Detlei: Essa pergunta é muito legal! Antes de começar a correr eu era totalmente sedentária. Tinha pressão baixa, sentia muitas dores de cabeça e não queria tomar remédios. Um dia resolvi acabar com o que estava acabando comigo! Decidi que daria uma volta caminhando na praça, todos os dias! Logo fiz amizades e comecei a ir à praça não só para caminhar, mas também conversar. Durante essas caminhadas, encontrei muitos homens e mulheres correndo e todos pareciam muito satisfeitos e felizes. Depois de um ano, resolvi que também tentaria correr! Não aguentei nem 500m. Então tentei correr só de poste em poste. E fui aprendendo a correr. Me apaixonando pela superação de cada dia!

T&F: O que essa vitória representou para você?

Detlei: Essa vitória me mostrou que esmo que demore anos, o que eu quero, eu consigo! Várias dificuldades estarão no caminho, várias desculpas e várias preguiças. Acho que podemos comparar a uma escada a ser subida. A maior meta está lá em cima e cada dia, cada treino, cada superação é um degrau mais perto do objetivo! O treinador Adriano Bastos e toda sua equipe muito atenciosa me mostraram que com trabalho duro, suor e esforço, conseguimos atingir qualquer meta!

T&F: Sabemos que essa foi a sua primeira corrida de rua. Conte-nos como foi essa experiência na Track&Field Run Series.

Detlei: Eu não sabia qual seria meu ritmo e muito menos se teria chance a subir ao pódio. Fui para a corrida com medo dos 10km. Medo de não conseguir correr no ritmo de 4 minutos por quilometro – que era a meta que eu tinha colocado. Acordei cedo e estava muito frio. Não sabia direito que roupa vestir. Fui para a prova falando para mim mesma que eu deveria curtir a prova! No aquecimento meu treinador disse que se eu corresse a uma certa velocidade eu teria chance de estar no pódio! Isso mexeu com meu instinto competidor, meus olhos brilharam, fiquei animada e juntei energia! No primeiro quilometro várias garotas passaram por mim, mas eu continuei no meu ritmo. Já no começo do segundo quilometro alguém falou que eu estava liderando. Eu não quis acreditar e falei para mim mesma: “Continue assim! Não acelere nem diminua“. Logo depois, minha liderança se confirmou! Corri a prova curtindo, lembrando sempre como é maravilhoso correr e sentindo a endorfina tomar conta! Curti a prova, delirei com a prova e corri anestesiada! A chegada foi maravilhosa! Pude até passar como campeã por aquela faixa de chegada! Me senti grande! Todo o esforço valeu! Saí de casa para participar de uma prova de corrida de rua e terminei a prova em primeiro lugar e batendo meu recorde pessoal! Demais! Quando será mesmo a próxima corrida? Correr é demais!

 

 

Correndo para o Run Series, Entrevista

Publicado em 24 julho, 2015


Inspiração: Valéria Melo


A rotina da Valéria Mello Cattaruzzi, 33 anos, é pura inspiração. Depois que virou mãe, ela conseguiu encontrar em uma rotina acelerada muito foco e determinação para conquistar suas primeiras maratonas e um abdômen definido.

vm

 

Como é a sua rotina?

Puxada, rs. Todos os dias acordo bem cedo e começo com o meu treino de corrida ou musculação. Arrumo minha filha para a escola, me arrumo e vou para o trabalho. Durante o dia, trabalho no meu escritório de contabilidade, onde gerencio todas as atividades. Na hora do almoço faço um treino de natação ou pedalo. (Sigo uma planilha orientada conforme o meu objetivo). A tarde busco minha filha na escola e a noite preparo o jantar e tudo que vou precisar para o dia seguinte.

 

Como você encaixa atividades físicas na sua rotina?

Uso horários alternativos. Treino bem cedo e na hora do almoço. Para isso é necessário muita organização. Por exemplo, se vou nadar na hora do almoço, tenho que ter todo material comigo. Se esquecer algo, perco o treino.

 

Qual o seu segredo para conseguir o abdômen definido?

Dieta! Abdômen definido é 70% dieta. Antes de ter minha filha eu tinha tempo, era mais nova, treinava, mas não tinha disciplina para me alimentar corretamente. Alguns alimentos foram cortados da minha dieta, como pão francês. Também não como frituras, refrigerantes, sucos industrializados. Só como doce quando tenho muita vontade. Sem neuras…

 

Você tem dias ruins? Qual o seu truque para os dias que você quer sair da dieta? Que pecados comete e como recompensa?

Se tenho dias ruins? MUITOS! Não é fácil. Quando se tem uma rotina puxada, tudo é difícil… mas não impossível!Quando estou em um dia ruim, acesso o instagram e vejo fotos das “musas”! Mas é preciso tomar cuidado e não se fazer de vítima..”Ela é assim por que não trabalha, não estuda, não tem filhos.. se tivesse, duvido que teria esse corpo.” Temos que entender que todos tem suas dificuldades, e o que nos torna grandes é saber superar.  Também uso as roupas da TF para me motivar. Se estou desanimada, escolho um conjunto bem alegre, que vai me deixar linda e já muda tudo! O truque para não sair da dieta é ter sempre uma barrinha ou alguma fruta por perto. No meu trabalho tenho uma gaveta com barrinha naturais. Não devemos nos proibir. Se estiver com muita vontade, como um pedaço e tudo bem. Sei que no dia seguinte tenho treino e vou gastar aquelas calorias. Procuro não me culpar ou me machucar com palavras. Também descobri que as palavras tem poder. Uso com frequência frases positivas: “Está tudo bem. Todos os dias escolho treinar e estar cada vez melhor.”

 

Você toma suplementos?

Sim. Whey protein, BCAA, glutamina, creatina.

 

Pode compartilhar um pouco do seu treino de uma semana?

Manhã Seg – quar – Sex – Sáb. = Corrida. – Almoço Treino de Braço + Bike

Manhã Qua e Sex = Musculação Pernas – Almoço Natação.

 

Você sempre foi ativa? Como e por que começou?

Sempre pratiquei esportes, mas nunca levei a sério como agora. Hoje busco performance e melhores tempos nas corridas e sei que só vou conseguir através de muito treino e disciplina. Depois de ter minha filha, meu abdômen ficou muito flácido e caído. Comecei a treinar musculação em 2012 e comecei a correr em abril de 2013 com uma assessoria de corrida. Comecei a participar de provas e melhorar meus tempos. Me sentia uma atleta!!! Então tomei gosto pelo esporte e não parei mais. Hoje já completei mais de 3.000 kms rodados, 2 Maratona, 5 meia maratonas e diversas provas de 10 km. Melhores tempos: 42 km 3 hs e 49 min – 21 km 1 hs 32 min – 10 km 42 min.

 

Uma dica para quem não acredita que hábitos saudáveis podem mudar sua vida?

Acredite! Tudo que conquistei no esporte foi por que eu acreditei. O primeiro lugar que vencemos é dentro da nossa cabeça. Se você acreditar, de alguma maneira você chega lá. Tenha objetivos reais, possíveis e não pare até chegar lá.

 

O que mais gosta nas roupas da Track&Field?

TUDO! As cores, o movimento, o fato de caírem perfeitamente no nosso corpo. Sempre que coloco uma roupa da Track&Field me sinto especial. Sempre fico de olho nas novidades.

 

Siga a Valéria no Instagram: @valery_mello.

Entrevista

Publicado em 22 maio, 2015


Nutrição para o Inverno. Sopa de cenoura com cúrcuma


Sopa Cenoura Curcuma

Com a chegada do inverno, sopas são uma boa pedida. A sopa de cenoura com cúrcuma possui fitoquímicos e substâncias anti-inflamatórias perfeitas para a prevenção de câncer e também de resfriados.
A combinação dos ingredientes e o modo de fazer potencializam o efeito benéfico dos nutrientes. Veja abaixo:

Sopa de cenoura com cúrcuma
– 3 cenouras grdes descascadas e picadas (carotenóides)
– 1 col de sobremesa de óleo de coco (antibactericida)
– 1 col de sobremesa de cúrcuma (anti-inflamatório)
– 1 pitada de curry (também com efeito anti-inflamatório devido a presença da cúrcuma)
– 1 pitada de pimenta do reino
– 1 pitada de sal rosa
– 1 maço de couve flor
– 1 chuchu descascado e picado (fonte de fibras e cálcio)
– alho e cebola roxa (antioxidantes e fitoquímicos)
Refogue o alho e a cebola no óleo de coco.

Acrescente a cenoura, o chuchu e a couve flor, a cúrcuma e o sal.

Acrescente um pouco de água e deixe cozinhar. Depois bata e acrescente a pimenta do reino.
Por cima amêndoas lâminadas levemente tostadas para dar aquela mastigadinha.

Dica da nutricionista @fernandascheernutri

Alimentação

Publicado em 15 maio, 2015


Celebre os superpoderes da sua mãe com a Track&Field


Toda mãe é superpoderosa, moderna, forte e bonita todos os dias.

Para celebrar essa força e equilibrar essa rotina agitada com estilo e qualidade de vida, que tal um presente com a cara dela?

Em todas as compras acima de R$600,00, você leva de presente uma toalha de academia exclusiva Track&Field + um kit com produtos Vichy !

A ação acontece de 29/04 a 10/05 em todas as lojas participantes.

 

Para você se inspirar na hora de escolher o presente, preparamos um wishlist especial! Confira:

 

Linha Effect

 

O movimento e as luzes da cidade são as principais inspiração para a linha Effect, lançamento da nova coleção. Destaque para o tecido plissado e a estampa exclusiva com efeito 3D, que dão vivacidade ao look. Além de tecnologia para valorizar as formas do corpo e te manter confortável no treino.

 

Linha Snow

 

O lado mais sublime da natureza chega com estilo único para inspirar a linha Snow. Com vivacidade e harmonia em cada detalhe, a cartela de cores sóbrias deixa a linha mais moderna, além da tecnologia criada pensando em um treino confortável e leve!

 

Visite nossa loja ou acesse tf.com.br , conheça nossa linha completa e ainda ganhe com um mimo especial para a sua heroína! J #mytf

 

Promoção

Publicado em 5 maio, 2015


Os benefícios da prática da yoga em conjunto com a corrida


 

Você sabe em que ponto a yoga e a corrida se unem na busca do bem estar físico? Hoje no blog da Track&Field, com conteúdo desenvolvido pela Wanda Grandi e Sá Souza, vamos trazer informações sobre exercícios com fotos especiais para corredores que buscam aliar o bem estar da yoga, com a prática de corrida.

Muitos do benefícios que podemos obter com o casamento dessas duas atividades são:

Correção de desequilíbrios musculares e prevenção de lesões
Agilidade e recuperação + rápida
Aumento da capacidade de oxigênio
Autoconsciência

Você sabia que em um percurso de cerca de 1,5Km, o seu pé pode tocar o chão até 1000 vezes? E que o impacto em cada pé pode ser de aproximadamente três a quatro vezes o seu peso? Como consequência disso, muitos podem sofrer de dores nas costas, joelhos e pés. Tudo isso devido ao desequilíbrio e falta de consciência corporal.

Muitos dos corredores agem movidos por paixão e recordes, amam a sensação de suor e coração bombeando o sangue pelas veias e artérias, enfim, aquela descarga de dopamina que liberamos no nosso organismo enquanto corremos. A pergunta que vem é a seguinte: como fazer com que seu corpo corra mais rápido, de forma mais adequada sem prejudicar a saúde?

A seguir, mostramos algumas fotos e exercícios sugeridos pela Sá Souza. Todas as posturas sugeridas abaixo são assimétricas, ou seja, precisam ser repetidas nos dois lados pelo mesmo tempo.

Muitos preferem contar o tempo através de respirações – de 3 a 5 (para quem está começando) ou de 5 a 8 (para quem já tem um pouco de prática). Confira:

 

– Parivrtta Trikonasana (Postura do Triângulo com Torção)

1) Comece de pé com os pés paralelos.
2) Dê um passo para atrás com o pé esquerdo. Os pés separados na linha dos quadris.
3) Mantenha o calcanhar do pé direito alinhado com o arco do pé esquerdo.
4) Desafio, manter os quadris nivelados.
5) Com a mão direita na cintura, inspire e eleve a mão esquerda para cima. Na exalação, desça a mão esquerda e apoie num bloquinho. (veja variações abaixo).
6) Inspire e alongue a coluna criando espaço entre as vertebras e na exalação torça.
7) Olhe para o polegar da mão elevada ou olhe para o chão.
8) Repita para o outro lado.

Variação 1 – Use o bloquinho como apoio (ou livros ou uma caixa)

Variação 2 – Palma da mão no chão na parte de dentro ou for do pé da frente.

 

– Parsvottanasana (Alongamento Lateral Intenso)

Alonga muito os músculos posteriores e contrai de leve os órgãos do abdômen.

1) Comece de pé com os pés paralelos.
2) Dê um passo para atrás com o pé esquerdo. Os pés separados na linha dos quadris.
3) Mantenha o calcanhar do pé direito alinhado com o arco do pé esquerdo.
4) Desafio, manter os quadris nivelados.
5) Com as mãos na cintura, inspire alongando a coluna e na exalação

Variação 1 – use um bloquinho ou livros para criar espaço, caso suas mãos não cheguem até o chão.

Variação 2 – palmas no chão e testa na canela.

Variação 3 – Entrelace os dedos das mãos e segure a perna de trás intensificando o alongamento.

 

 

– Virabhadrasana III (Postura do Guerreiro III)

Atenção, nessa posição ajuda muito olhar para frente e não para o chão. Aqui o ideal é uma linha reta que vai to topo da cabeça até o calcanhar do pé elevado.

1) Comece com um pé em 90 graus no chão. Mantenha o joelho levemente flexionado.
2) Com as mão unidas em frente o peito, inspire e ele o outro pé do chão deixando a perna estendida o máximo que o seu corpo permitir.
3) Mantenha as mãos unidas em frente ao peito ou leve os braços para frente (estilo superman).
4) Estique o torso para frente enquanto a perna elevada vai para trás, ajudando no equilíbrio.
5) Retorne devagar e troque de lado.

 

– Preparação para Eka Pada Galavasana (Postura do Sábio Galava com uma Perna Erguida).

Variação 1 – Faça um “4”. Flexione e pressione o pé na perna estendida acima do joelho.

Variação 2 – Dobre o joelho de base, continue pressionando o pé flexionado contra a perna e o joelho dobrado para trás. Sugando o seu umbigo, comece a sentar e intensificar o alongamento.

Variação 3 – Traga as pontas dos dedos ou a palma das mãos no chão.

 

 

– Utthita Trikonasana (Postura do Triângulo)

Essa postura alonga tudo de uma maneira incrível. Alonga o torso e abre o peito enquanto fortalece perna e o quadril.

1) Afaste bem os pés
2) Mantenha o pé da frente em 90 graus e gire o pé de trás 15 graus.
3) Abra os braços na altura dos ombros com as palmas voltadas para baixo.
4) Inspire e alongue o braço da frente para frente e quando exalar alinhe os ombros elevando o braço de trás.
5) Olhe para o polegar da mão elevada (se não doer seu pescoço ou para o chão e o pescoço incomodar).
6) Se sua mão da frente não tocar o chão apoie-se num bloquinho (ou livros)
7) Para sair, inspire elevando e troque de lado.

 

 

– Anjaneyasana 

Nas palavras da Sá: “Ah esse é um alívio para as coxas e os iliopsoas (onde a maioria dos seres humanos são super rígidos). Rins e fígados também recebem um agrado aqui quando inclinamos o tronco um pouco para trás.”

1) Mantenha o joelho esquerdo no chão e o pé direito na frente com joelho dobrado.
2) Mantenha o dorso do pé de trás no chão
3) Escorregue a perna esquerda para trás no seu limite para intensificar a extensão frontal.
4) Para um maior alongamento, apoie as mãos no joelho da frente empurrando-o para frente.
5) Encaixe o quadril e ative o abdômen.
6) Mantenha a coluna sempre ereta e ombros relaxados.
7) Troque de lado.

Variação 1 – Pode elevar os braços ou manter as mãos nos joelhos.

Variação 2 – Curve os dedos do pé de trás e ele o joelho. Procurando manter a perna estendida. Eleve os braços e ative os dedos das mãos.

O conteúdo original desse post foi desenvolvido por Wanda Grandi no link: http://grandidicas.com/yoga-e-corrida-como-assim com a colaboração da Sá Souza: www.sasouza.com

 

 

Bem Estar, Comportamento, Esportes, Novidades, Saúde, Track Indica

Publicado em 29 abril, 2015